MENU

Distrito Federal

Rota da Diversão mapeia espaços para agradar a garotada no DF

Amarildo Mota

Publicado

em

Férias para a garotada é sinônimo de muita diversão, com correria, algazarra e alegria solta no ar. Foi pensando nessas possibilidades lúdicas que a Secretaria de Turismo criou o primeiro roteiro voltado, exclusivamente, para as crianças. Indo muito além dos monumentos marcantes da capital e atrações cívicas, a Rota da Diversão inclui espaços como o Parque da Cidade, Planetário, Pontão do Lago Sul, Jardim Botânico, Zoológico de Brasília, Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), Torre de TV, Ermida Dom Bosco, entre outros, que garantem entretenimento e contato com a natureza. E, o que é melhor, de graça.

https://www.youtube.com/watch?v=ZrUyG2h07sc

“É uma rota que foi pensada para o período de férias, mapeando locais com atividades de lazer voltado para crianças em diversos pontos da cidade”, conta o secretário executivo da Secretaria de Turismo, Gustavo Assis. “O objetivo é incentivar que alunos das escolas públicas e privadas, durante este período do ano, possa explorar os atrativos locais, muitos, aliás, não conhecem, sobretudo quem é de fora do Plano Piloto”, observa o gestor.

Aberto, de terça a domingo, sempre das 9h às 21h, o CCBB, localizado no Setor de Clubes Sul, é um dos espaços mais interativos e queridos da cidade, com muitas opções de entretenimento como um mar verde de grama para correr e fazer piquenique e brinquedos que propõem sensações sonoras e físicas. De Luziânia (GO), mas há muito tempo morando em Brasília, o casal Jonatas Bueno e Muriel Silva, adora o lugar e se diverte, junto com o filho Gustavo, todas as vezes que frequenta o local.

O CCBB é uma das opções de passeio na Rota da Diversão, mapeada pela Secretaria de Turismo | Fotos: Lúcio Bernardo Jr/Agência Brasília

“Nessa idade eles têm muita energia e acaba que exigem muito da gente também, temos que nos desdobrar para fazer coisas diferentes e evitar de ficar todo mundo preso no apartamento”, comenta o arquiteto e educador financeiro Jonatas. “A gente aproveita os espaços de Brasília para gastar muita energia, curtir o sol, o ar livre. Aproveitamos bastante”, diz a doula Muriel.

Para o servidor público da Secretaria de Justiça do DF, Pedro Augusto de Aquino, o CCBB é único como atração de lazer na cidade. “Gostamos muito daqui, estamos aqui quase todos os dias”, constata. “É um lugar que permite contato intenso com a natureza, o que é bacana para essa geração que só quer saber de celular, jogos eletrônicos”, avalia.

A estudante Mayara de Oliveira foi apresentada à Ermida Dom Bosco pelo tio. “É um lugar bastante aconchegante e bonito”

Uma das primeiras construções de Brasília, com fortes referenciais históricos, religiosos e ecológicos, a Ermida Dom Bosco, com seus 171 m² de lazer, é outra opção de entretenimento interessante indicada pela Secretaria de Turismo na Rota da Diversão.

Neste período de férias, entre 5 mil e 7 mil pessoas passam pelo local, entre elas crianças e adolescentes que adoram brincar e nadar na orla do Lago Paranoá, dar um rolé pela pista de cooper e ciclovia, contemplar o mirante com uma das auroras e crepúsculos mais lindos do DF e muito verde. O horário de funcionamento é das 6h às 20h, todos os dias.

“As opções são muitas, desde o banho no lago até as trilhas ecológicas, que permitem interação com uma área do cerrado que está bem preservada”, comenta o agente de unidade de conservação Wilson Silveira. O espaço agrada visitantes como a estudante Mayara de Oliveira, recém-chegada da Paraíba. “É um lugar bastante aconchegante e bonito”, diz, impressionada.

Serviço

Passeios na Rota da Diversão

→ Parque da Cidade Dona Sarah Kubitschek
Asa Sul, Eixo Monumental, livre acesso 24 horas por dia, sete dias por semana.

→ Centro Cultural Banco do Brasil
Setor de Clubes Esportivos Sul, Trecho 2, Lote 22. Funcionamento: terça a domingo, das 9h às 21h.

→ Planetário de Brasília
Eixo Monumental, de terça a domingo, das 9h às 21h, com entrada franca. Os ingressos para as exibições na cúpula são liberados meia hora antes da apresentação. O espaço comporta 80 pessoas por sessão. A duração é de até 45 minutos por filme.

→ Pontão do Lago Sul
Setor de Habitações Individuais Sul, Lago Sul. Sexta e sábado, das 7h à 1h; nos demais dias da semana, das 7h à meia-noite.

→ Jardim Botânico de Brasília
Setor de Mansões Dom Bosco, Área Especial, Lago Sul. De terça-feira a domingo, inclusive feriados, das 9h às 17h, com entrada permitida até as 16h30. Entrada gratuita para pedestres e ciclistas entre 7h30 e 8h50. A partir desse horário, ingresso a R$ 5.

→ Zoológico de Brasília
Avenida das Nações, Via L 4 Sul s/n, Candangolândia, Brasília. Funciona de terça a domingo e feriados, das 8h30 às 17h. Ingressos, pagamento somente em dinheiro. Terças, quartas e quintas-feiras, exceto feriados, todos pagam meia entrada (R$ 5). Já nos outros dias, os ingressos custam R$ 10, a inteira. Pagam meia entrada (R$ 5) crianças de 6 a 12 anos, idosos (acima de 60 anos), estudantes, beneficiários de programas sociais do governo e professores, pedagogos, orientadores educacionais e servidores da carreira Assistência à Educação do sistema de ensino do Distrito Federal. Pessoas com deficiência e seu acompanhante (quando necessário) e crianças de até 5 anos de idade não pagam.

→ Torre de TV
Eixo Monumental. As visitas ao mirante da Torre de TV, localizada no Eixo Monumental, podem ser feitas, diariamente, das 9h às 18h.

→ Ermida Dom Bosco
SEDB – Lago Sul, das 6h às 20h, todos os dias.

→ Complexo Cultural de Samambaia
Quadra 301 Conjunto 5 Lote 1, de segunda a sexta, das 8h às 22h.

Rota da Diversão mapeia espaços para agradar a garotada no DF

Fonte: Agência Brasilia

Continue lendo

Em alta